quinta-feira, 5 de julho de 2012

CONSTELAÇÃO SOLIDARIUS - I capa e contracapa

DE: Euclides André Mance
ED: IFIBE (Brasil, Passo Fundo: 2008, 201 págs.)

CONTRACAPA
As fendas sistêmicas do capitalismo o tornam incapaz de promover a distribuição da riqueza e o bem-viver das pessoas e sociedades. Mas a economia solidária pode hackear e crakear essas fendas, de modo a reorientar os fluxos de valor econômico do sistema, para que alimentem os circuitos econômicos solidários. A subversão do sistema, assim, conduz a economia ao papel de assegurar os meios econômicos requeridos ao bem-viver do conjunto das pessoas e sociedades, de maneira justa e ecologicamente sustentável. A organização de sistemas solidários de intercâmbio econômico pode acelerar rapidamente o desenvolvimento dessa outra economia, na medida em que cria a possibilidade de integração de modalidades diversas de economia solidária em redes colaborativas, em fluxos locais e globais que fortaleçam as diversas iniciativas e promovam o desenvolvimento sustentável nos territórios em que operam. O experimento econômico internacional analisado neste livro permite supor que, sendo multiplicados os sistemas de intercâmbios solidários pelo mundo todo, integrando parte expressiva das pessoas que praticam atualmente essa outra economia, ecologicamente sustentável e socialmente justa, tenha-se o surgimento, nas próximas décadas, de uma gigantesca constelação de iniciativas de economia solidária, integradas em redes colaborativas locais e internacionais - a Constelação Solidarius. E, na medida em que isso ocorra, quanto mais essa constelação se expandir, mais capacidade de expansão terá.

Nenhum comentário: